Categoria: Síndromes ictéricas

Comparação entre os níveis séricos de vitamina D materna e neonatal em casos a termo ictéricos e anictéricos

Comparação entre os níveis séricos de vitamina D materna e neonatal em casos a termo ictéricos e anictéricos

Seyyed Mohammad Hassan Aletayeb, Masoud Dehdashtiyan, Majid Aminzadeh, Arash Malekyan, Somayeh Jafrasteh.

Apresentação: Hellen Branquinho – R2 Pediatria
Coordenação: Paulo R. Margotto.
SECRETARIA ESTADUAL DE SAÚDE.
HOSPITAL MATERNO INFANTIL DE BRASÍLIA.
UNIDADE TERAPIA INTENSIVA NEONATOLOGIA

 

Efeito da suplementação de vitamina D, direta ou via leite materno para lactentes à termo, na 25-hidroxivitamina D sérica , bioquímica associada e predisposição à infecção: estudo clínico randomizado controlado com placebo

Efeito da suplementação de vitamina D, direta ou via leite materno para lactentes à termo, na 25-hidroxivitamina D sérica , bioquímica associada e predisposição à infecção: estudo clínico randomizado controlado com placebo

Apresentação: Iara Cristina Arruda do Vale, Monique Almeida Vaz, Nathália Telles da Costa .
Internato de Neonatologia – 6ª Série- HMIB/SES/DF.
Coordenação: Paulo R Margotto.
Faculdade de Medicina da Universidade Católica de Brasília

Efeito da suplementação de vitamina D, direta ou via leite materno para lactentes à termo, na 25-hidroxivitamina D sérica , bioquímica associada e predisposição à infecção: estudo clínico randomizado controlado com placebo

Efeito da suplementação de vitamina D, direta ou via leite materno para lactentes à termo, na 25-hidroxivitamina D sérica , bioquímica associada e predisposição à infecção: estudo clínico randomizado controlado com placebo

Apresentação: Iara Cristina Arruda do Vale, Monique Almeida Vaz, Nathália Telles da Costa .
Internato de Neonatologia – 6ª Série- HMIB/SES/DF.
Coordenação: Paulo R Margotto.
Faculdade de Medicina da Universidade Católica de Brasília

TERAPIA COM O ÁCIDO URSODEOXICÓLICO (UDCA) EM NEONATOS DE MUITO BAIXO PESO AO NASCER COM COLESTASE ASSOCIADA À NUTRIÇÃO PARENTERAL

TERAPIA COM O ÁCIDO URSODEOXICÓLICO (UDCA) EM NEONATOS DE MUITO BAIXO PESO AO NASCER COM COLESTASE ASSOCIADA À NUTRIÇÃO PARENTERAL

  Chien-Yi Chen, Po-Nien Tsao, Huey-Ling Chen, Hung-Chieh Chou, Wu-Shiun Hsieh, Mei-Hwei Chang.
J Pediatr 2004; 145: 76-83. 

Supervisão: Dr. Paulo R. Margotto (Intensivista Neonatal  do HRAS –SES-DF / Professor do Curso de Medicina da Escola Superior de Ciências da Saúde /SES/DF)

AVALIAÇÃO DA INTERFERÊNCIA DA UMIDIFICAÇÃO DA INCUBADORA NA IRRADIÂNCIA EMITIDA POR APARELHOS DE FOTOTERAPIA

AVALIAÇÃO DA INTERFERÊNCIA DA UMIDIFICAÇÃO DA INCUBADORA NA IRRADIÂNCIA EMITIDA POR APARELHOS DE FOTOTERAPIA

Carlos Alberto Moreno Zaconeta,1 Vinícius Santana Pereira,2 Edineuza Alves de Oliveira,3
Kele Cristina da Silva,3 Rafael Quaresma Lima4 e Éria Fernandes Vilar de Almeida4.

1 Médico neonatologista, Hospital Materno Infantil de Brasília e Centro Brasiliense de Neonatologia. Professor, Faculdade de Medicina,
Escola Superior de Ciências da Saúde. Mestre em Medicina pela Universidade de Brasília
2 Médico neonatologista, Hospital Materno Infantil de Brasília
3 Enfermeira, especialista em neonatologia, Hospital Materno Infantil de Brasília.

Hiperbilirrubinemia Neonatal (evitando o kernicterus) – 60% dos RN a termo e 80% dos prematuros, em sua primeira semana de vida apresentam icterícia (pode ser patológica ou não)

Hiperbilirrubinemia Neonatal (evitando o kernicterus) – 60% dos RN a termo e 80% dos prematuros, em sua primeira semana de vida apresentam icterícia (pode ser patológica ou não)

Curso de Pós-Graduação em Neonatologia (Centro de Aperfeiçoamento Profissional-CEAP-Recife)-Maceió, 11/9/2009